segunda-feira, 10 de novembro de 2008

Mais Um!

Pois é. Quando o 12.º ano começou soube logo que o ano lectivo vai passar muito rápido e que vou ter saudades da E.S. Eça de Queirós, mesmo que a vida me leve a outras salas de aulas. É verdade, tenho saudades da Eça; tenho saudades dos colegas ou melhor do meu colega, pois no ultimo ano foi só um. Tenho saudades daquelas aulas, logo às 8:20, nas quais às vezes os professores faltavam :) , ou daqueles intervalos de 5 minutos durante os quais podíamos relaxar e esquecer por um instante a matéria.
Tenho saudades das aulas de apoio de Matematica.

Não quero ofender ninguém, mas os melhores amigos que um aluno pode ter são os professores. Sempre que procurei ajuda, a encontrei na E.S.E.Q.
E.S.E.Q para mim foi uma experiência que me preparou para toda a vida.
Agora estando noutras salas de aulas, digo-vos a vocês, alunos da E.S.E.Q, aproveitam todas as aulas e intervalos como se fossem os últimos na escola, pois o tempo voa e não volta atrás.

Um abraço a todos !

2 comentários:

Psikus disse...

Olá, Alexandru!
É bom ouvir-te. Já fui, há muitos anos, aluno entusiasta e apaixonado como tu és agora. E agora também eu continuo entusiasta e apaixonado, só que menos aluno... e não obstante tudo o que nos tempos que correm se tem feito em cima dos professores e lhes tem roubado o húmus que alimenta o entusiasmo e a paixão: a dignidade, o respeito e a confiança.
Penso que será engraçado reflectirmos sobre duas coisas que dizes e que poderão ser antagónicas... mas compreendo perfeitamente que as digas!
Por um lado, dizes que os teus melhores amigos terão sido os professores. A esta afirmação se associam pensamentos, imagens e emoções.
Por outro lado, falas dos 5 preciosos minutos de pausa... das aulas e dos professores... que te sabiam tão bem! A esta afirmação certamente se associam outros pensamentos, outras imagens, outras emoções.
Eu também me lembro de esses breves momentos de pausa; e me lembro também das pausas maiores que vinham de uma ou outra excepcional falta de um ou outro professor. Nos velhos tempos em que não se atiravam os alunos para uma aula de substituição, que bem sabia esse momento de nada e de ninguém!...
Fosse o que fosse que se fizesse nessas pausas, o que guardo na memória é o sabor delicioso de estar com os amigos e os companheiros da turma em que, por breves instantes, não nos eram pedidas contas pelos professores, nem pelos pais!
Estou a lembrar-me agora dos versos de Fernando Pessoa que dizem assim:
Ai que prazer
Não cumprir um dever,
Ter um livro para ler
E não o fazer!
Ler é maçada,
Estudar é nada.
O sol doira
Sem literatura.
O rio corre, bem ou mal,
Sem edição original.
E a brisa, essa,
De tão naturalmente matinal,
Como tem tempo não tem pressa...

"A vida é feita de pequenos nadas", diz outro poeta. Ora não era que aqueles pequenos de pausa sabiam tão bem!...
Um grande abraço, Alexandru!

Ali disse...

Muito obrigado pelo comentário. Aqui fica a prova como um professor pode ser o melhor amigo dum aluno. Só tenho que acrescentar mais alguma coisa, foi numa daquelas pausas maiores enquanto estava a ler um livro que conheci um grande amigo. Um abraço !